‘Elke Maravilha’ no ‘De Frente Com Gabi’:Domingo, 22/09/2013

O De Frente Com Gabi deste domingo, 22 de setembro, recebe a atriz, modelo e manequim Elke Maravilha. Ela se considera uma cidadã do mundo, embora tenha nascido na Rússia e se naturalizada alemã, vive no Brasil desde a infância.

Elke fala fluentemente nove idiomas, tem uma carreira de quatro décadas e se tornou uma das personalidades mais queridas do país.

Na entrevista ela fala sobre sua carreira como jurada de televisão, modelo e lançadora de tendências, além de contar a sua história de vida cheia de curiosidades.


Foto: Carol Soares/SBT

Confira as melhores frases da entrevista:

• Tive oito casamentos e o mais curto durou 2 meses, porque ele era psicopata. Eu acordava de madrugada e ele estava no sofá, vestido de Elke, com uma faca na mão.
• Não gosto de ficar nua nem para mim. Fico constrangida comigo mesma.
• Experimentei crack três vezes, mas na minha geração usávamos drogas para autoconhecimento e hoje é para fuga.
• Minha única droga é a cachaça.
• Comecei minha vida profissional como professora de inglês.
• Morei um ano dentro de um carro na Alemanha, meu primeiro marido e eu, viajando de aldeia em aldeia.
• Um dia me ligaram do Chacrinha, me chamando para ser jurada. Foi “uma coisa”.
• Continuo com a cidadania alemã e estou no Brasil como “permanente”, não preciso de visto.
• As manifestações (populares deste ano) mudaram algumas coisas, mas nada profundamente.
• Não tenho mais tesão, estou livre dos hormônios. É muito bom transar, mas também tem sido bom não. Cada coisa tem sua época.
• Já estou fazendo hora extra. Daqui a pouco vou morrer.

DE FRENTE COM GABI
Neste domingo, à meia-noite


Fonte/Divulgação:SBT